• "VAMOS JUNTOS EM BUSCA DESTE CINTURÃO
    UFC 211
    MIOCIC VS DOS SANTOS"
    DIA 13 DE MAIO
  • "O cara que pode dificultar a vida dele sou eu”
    Fui o último
    a ganhar dele
    "Minha primeira luta com o Miocic foi muito dura, acho que todos gostariam de vê-la de novo"
  • Minha PRIMEIRA luta com o Miocic foi muito dura,
    acho que todos
    gostariam de vê-la de novo.
    TRECHO DE ENTREVISTA CONCEDIDA AO SITE SPORTV.
O LUTADOR

Um pouco mais sobre a história de Junior Cigano

 

 

Junior Dos Santos Almeida, nem sempre foi o "Cigano". A historia do lutador de MMA começou em Caçador, uma cidade pequena, no interior de Santa Catarina, como a maioria dos brasileiros em um lar muito humilde.

Filho de Maria de Lourdes de Almeida, faxineira, e de seu Sebastião de Jesus Almeida, mecânico industrial. Com uma infância difícil, porém sempre feliz, Juninho, como era conhecido, teve seu primeiro trabalho aos 10 anos de idade. Sempre muito sonhador, esperava oportunidades para sua vida que não conseguia ver naquela pequena cidade.

E foi aos 18 anos, que Junior percebeu que queria mais para sua vida e resolveu sair daquele lugar onde havia crescido e criado as suas raízes, foi ai que veio a grande decisão. Tinha alguns amigos morando em Salvador e então partiu para lá.
Chegou com apenas R$ 80,00 no bolso, foi ai que ele soube mais do que nunca que precisaria de um emprego. Era tudo novo, nunca tinha saído de perto da sua família, nunca tinha estado em uma cidade daquele tamanho.

Mas Cigano deu um jeito, depois de lavar pratos, ser passador de carne, garçom, trabalhar com lojas de brinquedo, ele encontrou a luta. Por estar gordinho, foi procurar uma academia, e nessa academia ele conheceu o mestre Yuri Carlton, que o apresentou para o Jiu-jitsu em 2005.

Até os 21 anos, Junior dos Santos nunca tinha se aventurado no mundo da luta, mas apenas 1 ano apos começar a treinar, ele fez a sua estreia no MMA e venceu. Após fazer 7 lutas, foi em 2008, que ele conseguiu o seu tão sonhado contrato com o UFC. A partir dai, Cigano foi fazendo seu caminho de vitórias contra grandes nomes entre os pesos-pesados, como Shane Carwin, Mirko Cro Cop, Fabricio Werdum, Roy Nelson, Gilbert Yvel, Gabriel Napão e Stefan Struve.
E foi em 2011, que ele se credenciou a lutar pelo cinturão dos pesos-pesados do UFC. Junior dos Santos, o Cigano, tornou-se campeão, ao nocautear o então campeão Cain Velasquez, com apenas 1m04s do primeiro round. Como campeão defendeu o seu título contra Frank Mir. Mas, uma dificuldade acontece na vida do peso-pesado, Cigano perde o seu cinturão. O atleta encara isso como apenas mais um obstáculo na luta que é a vida. Mais do que nunca ele continua a escrever seu caminho de vitórias. E em breve poderemos vê-lo novamente como o campeão dos pesos-pesados do UFC.

>

 

 

 

PRÓXIMO COMBATE

 

O Brasil terá mais uma chance pelo cinturão do UFC em breve. No dia 13 de maio, pelo UFC 211, em Dallas, Texas (EUA), Junior Cigano terá a oportunidade de disputar o título dos pesados contra o atual campeão da categoria, Stipe Miocic. O brasileiro foi anunciado como desafiante ao título depois de ver sua luta contra Stefan Struve, inicialmente escalada para o UFC Canadá, dia 18 de fevereiro, cair por conta de uma lesão do holandês. “Há males que vêm para o bem”. O duelo entre Cigano e Miocic é uma revanche. Os dois se enfrentaram em dezembro de 2014, pelo UFC Phoenix, onde o brasileiro superou o americano em luta apertada de cinco rounds e conquistou uma vitória na decisão unânime dos juízes. Depois daquele combate, Miocic chegou a reclamar do resultado e deixou claro seu desejo por um reencontro no futuro. O revés para o brasileiro, foi, inclusive, sua última derrota. Stipe agora soma quatro vitórias consecutivas, enquanto Cigano somou no mesmo período apenas uma derrota e uma vitória — o catarinense teve de curar lesões antigas e ficou um tempo afastado das lutas. Essa será a quarta chance de Junior Cigano pelo cinturão do UFC — ele venceu uma e perdeu duas. Sua maior dificuldade diante de Miocic deve ser o tempo sem lutar. O americano, desde 2014, tem mantido uma média de uma luta a cada cinco meses. Ele se apresentou três vezes só em 2016. Já Cigano, lutou pela última vez em abril do ano passado, quando venceu Ben Rothwell na decisão dos juízes. Isso sem falar na confiança de Miocic. Ele nocauteou seus últimos quatro adversários e tem se apresentado cada vez melhor. É uma disputa de cinturão entre pesos-pesados, então o nocaute sempre pode acontecer. Tanto de um lado quanto de outro. É difícil ver um duelo de cinco rounds entre campeão e desafiante nessa categoria, mas não me surpreenderia se isso acontecesse também na revanche. Mais do que a oportunidade de Cigano recuperar o título que o apresentou ao mundo e o tornou famoso, o cinturão dos pesados pode renovar as forças do Brasil no UFC. além de Amanda Nunes e José Aldo, campeões absolutos de suas divisões, ao menos três representantes brasileiros estão batendo na porta de uma nova oportunidade. O que hoje é uma posição respeitável na organização pode se transformar em domínio em breve. E Cigano é uma poderosa esperança nessa missão. Por: Luis Fernando Coutinho (ganhador)





TRAJETÓRIA

A Trajetória de Cigano dentro do MMA





VIDEOS

Relembre alguns momentos marcantes dentro do Octagon.

 

 

conectados
NEWSLETTER

  • “Estou tentando me entender um pouco mais. Hoje o boxe é minha principal arma. Treino wrestling, jiu-jítsu, mas preciso ter confiança em aplicá-los na hora da luta, o que é diferente dos treinos, e não ficar bitolado. Trabalho isso na minha cabeça. Sei que tenho armas para ser o número um. Tenho que mudar isso. Quer lutar no chão? Vamos lutar no chão. É MMA. O professor Dedé Pederneiras me ajuda bastante nisso”, finalizou.

    Junior Cigano após vitória sobre Miocic
  • "Falhar acontece o tempo todo. Acontece todos os dias na prática. O que te faz melhor é como você reage a isso. Campeões são sonhadores que nunca desistiram dos seus sonhos."

    Junior Cigano após treino no Corinthians
  • "Cigano mais uma vez mostrou que tem o coração gigantesco"

    Dana White após o UFC Phoenix




REDES SOCIAIS


Que tal dar uma espiada no Instagram do Cigano?

ENTRE EM CONTATO COM NOSSA EQUIPE ATRAVÉS DO FORMULÁRIO AO LADO:
MEDIA MANAGER

Tel: (71) 9188-2763
contato@juniordossantos.com.br